Faixa Atual

Título

Artista

Atual

NTR BY MORNING

08:00 10:59

Atual

NTR by Morning

08:00 10:59

Atual

NTR BY MORNING

08:00 10:59

Atual

NTR by Morning

08:00 10:59

Background

“DESCONCERTO” COLISEU DE LISBOA 2021

Escrito por em Fevereiro 14, 2021

24 fevereiro a 04 março

 

 

 

 

PRODUTOR

Sons em Trânsito – Espectáculos Culturais Unipessoal, Lda


Lisboa recebe o Desconcerto de António Zambujo, César Mourão, Luísa Sobral e Miguel Araújo em Fevereiro e Março de 2021. Para que se cumpram as normas da Direcção Geral de Saúde, nomeadamente o distanciamento social obrigatório, com lugares livres entre espectadores – e tal como sucedeu nos espectáculos decorridos no Coliseu do Porto, no passado mês de Outubro – as 5 datas agendadas para o Coliseu dos Recreios nos dias 24, 25, 26, 27 e 28 de Fevereiro serão convertidas em 10 sessões, distribuídas por 8 dias, da seguinte forma:

24 de Fevereiro, às 21:30;
25 de Fevereiro, às 21:30;
26 de Fevereiro, às 21:30;
27 de Fevereiro, com duas sessões às 16:30 e 21:30;
28 de Fevereiro, com duas sessões às 16:30 e 21:30;
2 de Março, às 21:30;
3 de Março, às 21:30;
e 4 de Março, às 21:30.

Todos os bilhetes previamente adquiridos deverão ser trocados, até 31 de Janeiro, no respectivo local de compra, para uma das novas sessões, de acordo com a disponibilidade da sala – à excepção dos bilhetes de camarotes, que apenas podem ser trocados na bilheteira do Coliseu dos Recreios e pela BOL e das Galerias em Pé, cuja troca está pendente de um parecer da Direcção Geral de Saúde. Para mais informações e esclarecimentos contactar a BOL através do telefone 214 160 350 ou do e-mail: ajuda@bol.pt

O Desconcerto é um espectáculo original, que António Zambujo, César Mourão, Luísa Sobral e Miguel Araújo estrearam ao vivo em 2018. O conceito terá surgido quando os três amigos, César Mourão, Miguel Araújo e António Zambujo decidiram ir juntos de férias para o Algarve: conversa puxa conversa, guitarra puxa guitarra, improviso gera improviso. Sendo, há muito, fãs uns dos outros, quando deram por ela estavam a criar e a improvisar canções em conjunto, sem qualquer outra intenção que não fosse a de se divertirem. E assim aconteceu. As boas memórias desses dias levaram-nos a querer partilhar com o público esses momentos de cumplicidade. Decidiram então convidar Luísa Sobral, ela própria uma improvisadora muito peculiar, de quem são fãs e amigos, para se juntar a eles.


Continue lendo