Faixa Atual

Título

Artista

Atual

NTR ALWAYS OPEN

04:00 05:59

Atual

NTR Always Open

04:00 05:59

Atual

NTR ALWAYS OPEN

04:00 05:59

Atual

NTR Always Open

04:00 05:59

Background

LUÍSA E SALVADOR SOBRAL REVISITAM INFÂNCIA EM O NOSSO CONCERTO

Escrito por em Dezembro 20, 2020

21 e 22 de dezembro 20h00, Teatro Sá da Bandeira.

Pela primeira vez, duas pessoas que são, talvez, os maiores porta estandartes do que de mais belo se faz, atualmente, na música portuguesa juntar-se-ão para cinco concertos. Partilham desde o apelido a muitos, muitos momentos e melodias: são os irmãos Salvador e Luísa Sobral! O Porto será a primeira cidade a receber o evento, a 21 e 22 de dezembro, no Teatro Sá da Bandeira; a vez da cidade de Lisboa,  chegará um pouco mais tarde, nos dias 6 e 7 de janeiro, no Teatro Tivoli BBVA. Originalmente, esta seria a primeira felizarda a ouvir os irmãos Sobral. No entanto, devido à renovação do estado de Emergência e às medidas impostas pelo Governo, as datas tiveram de ser alteradas.

Cantam juntos desde que se lembram de cantar, as suas vozes sempre foram “o eco uma da outra”. Mesmo quando cada um traçou o seu próprio caminho no mundo da música, caminharam juntos: ainda hoje, escrevem e gravam temas em conjunto e participam em concertos um do outro – nomeadamente o episódio do Eléctrico, que estreou na RTP no dia 9 de outubro. Ainda assim, nunca tiveram a oportunidade de tornar esses momentos de irmãos num único espetáculo ao vivo.

Essa circunstância surge agora. Numa altura de incerteza, somos brindados com aquele que promete ser um momento de harmonia perfeita. Nas suas páginas oficiais, dizem que “Este espetáculo vai ser uma viagem no tempo onde, através de canções e histórias, o público vai poder conhecer a nossa vida musical e fraternal mais a fundo. Vamos tocar aquelas canções que foram importantes para nós e que trazem memórias no avesso. Na verdade, vamos tocar tudo aquilo que nos apetecer porque vamos finalmente fazer O NOSSO CONCERTO”.

Assim, em tempo natalício, tempo de família, especialmente num ano em que a distância à mesma foi grande e ainda não pode cessar, aqui está a oportunidade de presenciar a cumplicidade de duas pessoas ligadas não só por laços genéticos, mas também unidos fortemente pela música.

Tendo em conta o contexto de pandemia em que vivemos,  e que determina o encerramento dos estabelecimentos culturais às 22h30, o evento terá início às 20h e todas as regras de segurança do público e de todos os profissionais serão cumpridas – “a cultura é segura”.


Continue lendo